Abrir uma franquia: como e quais as vantagens?

pt flag
en flag
Voiced by Amazon Polly
Abrir uma franquia: como e quais as vantagens?. **AMAZONPOLLY*SSML*BREAK*time=***1s***SSML** **AMAZONPOLLY*SSML*BREAK*time=***1s***SSML** O Brasil fechou 2017 com 2.845 marcas franqueadas, uma queda de 6,4% em relação ao ano anterior. Mesmo assim, abrir uma franquia continua sendo um jeito popular de começar um negócio. O levantamento foi divulgado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), com outro dado interessante. Apesar da queda no número de redes de franquias, o número de unidades franqueadas cresceu no mesmo período. Trocando em miúdos, isso significa que hoje existem mais lojas de franquias no país, porém, concentradas em um número menor de marcas. Se você está cogitando abrir uma franquia, o primeiro passo é entender o que é esse modelo de negócio e como funciona, com todas as suas vantagens e desvantagens. O que é uma franquia Franquia é um negócio em que o empreendedor (franqueado) adquire um tipo de licença para vender um produto ou serviço de uma marca já estabelecida (franqueador). Ao abrir uma franquia, o franqueado recebe o direito de uso da marca registrada e de acessar todo o know how e processos dessa marca, em troca de uma taxa de  licenciamento. Geralmente, os contratos de franquia são complexos e variam de um caso para outro. Eles são temporários, no estilo arrendamento ou aluguel de um negócio. Assim, adquirir uma franquia não significa comprar a propriedade do franqueador. Um sucesso de longo tempo No século 19, Isaac Singer já aplicava o conceito de franquias para ampliar e distribuir as suas máquinas de costura. A GE também adotou o franchising para aumentar sua rede de revenda de carros, em 1898, e a Coca-Cola, um ano depois, no engarrafamento e distribuição da bebida. Ou seja, franchising não é uma modelo novo de negócio. No entanto, continua em alta. Os Estados Unidos lideram nessa modalidade em todo o mundo e os americanos são especialistas em abrir uma franquia. Uma vantagem significativa das franquias é o acesso a marcas estabelecidas. Desta forma, o empreendedor franqueado economiza recursos na divulgação do produto junto aos consumidores. Mas franchising tem outras vantagens, que veremos mais adiante. Franqueador e franqueado - entendendo a diferença Antes de relacionarmos quais as vantagens de se abrir uma franquia, é preciso certificarmos de que você entendeu corretamente a diferença entre franqueador e franqueado. O franqueador é a marca original, já estabelecida, que vende o direito de uso do seu nome, ideia e processos. Ex.: a marca Cacau Show. O franqueado é a pessoa que compra o direito de uso dessa marca, podendo assim vender os produtos ou serviços do franqueador, obedecendo o modelo comercial existente. Ex.: o empreendedor que decide abrir uma loja da Cacau Show. O lado bom de abrir uma franquia Existem muitas vantagens para quem pensa em abrir uma franquia. Nós selecionamos algumas para você: Negócio pronto O franqueado compra mais que o direito de uso da marca reconhecida e que já vem dando resultado. Ele adquire uma operação de negócio completa, incluindo processos, produtos ou serviços; uniformes etc. Dependendo do caso, recebe suporte de planejamento e treinamento, focado em manter a qualidade dos produto, o prestígio da marca e a fidelidade dos clientes. Marketing especializado Ao abrir uma franquia, você conta com um marketing profissional e especializado para o seu negócio. Isso permite-lhe direcionar as suas energias para outras atividades também essenciais para crescer a sua empresa. Baixo risco As chances do empreendimento dar errado são pequenas, uma vez que os planos de negócios de uma marca franqueada são bem estruturados e testados no mercado. O processo para abrir uma franquia geralmente inclui apoio de gestão especializada. Estratégia financeira Como o franqueado recebe sempre informações sobre os aspectos positivos e negativos do mercado em que está atuando, ele consegue enxergar melhor o cenário financeiro da sua empresa e, assim, tomar decisões mais assertivas. Facilidade de financiamento As marcas franqueadas estão consolidadas e apresentam bons resultados. Isso abre as portas para a aquisição de bons financiamentos e de forma segura. As vantagens de abrir a sua marca para os franqueadores Se o franchising é bom para o franqueado, é bom também para a marca franqueadora. Veja alguns exemplos: Gestão motivada, uma vez que, nas unidades franqueadas, o gestor é o próprio dono, alguém que investiu no negócio e quer vê-lo prosperar. Organização enxuta, porque os franqueados assumem muitas responsabilidades. Rentabilidade maior, uma vez que, como uma organização enxuta, pode ser mais lucrativa. Risco reduzido em função da própria natureza do negócio. Geralmente, ao abrir uma franquia, o franqueado assume a responsabilidade pelo investimento na operação e por qualquer capital de giro necessário para estabelecer o negócio. Existem muitas outras vantagens dos dois lados. Independentemente de ser um franqueado ou franqueador, é bom se informar detalhadamente. O outro lado da moeda Nem tudo são flores. Como em todo negócio, abrir uma franquia tem também as suas desvantagens. As principais são: Dependência: os franqueados, por força de contrato, devem operar de acordo com as normas e limitações definidas pela marca. Por exemplo, o franqueador define quais os produtos podem ser vendidos, preços, abrangência geográfica, criatividade nas ações etc. Além da taxa de franquia inicial, é preciso pagar o royalties. Para algumas pessoas, a taxa de publicidade também é um problema. Em alguns casos, o custo inicial para alavancar o negócio é muito pesado. O McDonald, por exemplo, exige de R$ 1,6 milhões e R$ 2,6 milhões. Como abrir uma franquia Escolha a marca: faça uma pesquisa e identifique aquela que lhe dará melhor retorno, dentro do segmento de negócio que você pretende atuar (alimentação, vestuário, turismo, hotelaria etc). Cadastre-se - pode ser pela internet mesmo. A marca vai avaliar o seu perfil e buscar por mais informações, se acharem necessário. Se o seu perfil passar no teste, você será convidado para um encontro e receberá uma Circular de Oferta de Franquia (COF), com as informações relevantes sobre o negócio. Leia e certifique-se de que entendeu tudo direitinho.. Se necessário, leia e leia de novo. Visite uma ou algumas unidades franqueadas, como se fosse um cliente, e observe o atendimento e a reação dos consumidores. Depois, converse com os franqueados. Pergunte tudo. Essa ação pode ser feita mesmo antes de iniciar o cadastro. Assine o contrato, claro, depois de uma leitura detalhada e com a certeza de que entendeu tudo. Mãos à obra para abrir a sua franquia e ter sucesso. 7 franquias queridinhas dos brasileiros Veja a lista, em ordem alfabética, e o investimento inicial necessário em cada um delas. AM PM Mini Market:  R$ 116 mil a R$ 245 mil Bob’s:  R$ 250 mil a R$ 1,3 milhão Cacau Show:  R$ 90 mil a R$ 120 mil Hering:  R$ 561 mil a R$ 765 mil McDonald’s: R$ 1,6 milhão a R$ 2,6 milhões O Boticário:  a partir de R$ 250 mil Pizza Hut:   R$ 850 mil a R$ 1,15 milhão Se você que acompanhar as tendências do mundo dos negócios, assine a 12MIN. A plataforma disponibiliza resumos das obras mais valiosas para todos os empreendedores. Agora, anote aí a nossa dica de leitura para hoje: Administração de Alta Performance - Andy Grove Em uma empresa, seu resultado pessoal é equivalente ao resultado de todas as equipes e departamentos sob a sua supervisão ou influência. Seu time somente atingirá alta performance de verdade se cada membro tiver um entendimento do seu output necessário e clareza de qual é o seu papel na empresa. Curtiu esse post? Deixe o seu comentário!