44% OFF

#BLACKFRIDAY 12min - Traga sua carreira de volta aos trilhos!

Não perca essa chance! Escolha um livro agora e potencialize seu aprendizado!

12min
logo 12min

Acelere sua evolução!

Obtenha os melhores resumos para impulsionar sua carreira e sua vida.

Acelere sua evolução!

Obtenha os melhores resumos para impulsionar
sua carreira e sua vida.

    logo 12min

    7 Sites e Aplicativos de Vendas para suas Coisas

    aplicativo de vendas

    5 min de leitura ⌚ 

    Quem já fez uma mudança ou uma grande arrumação em casa sabe que nós acumulamos coisas demais. Compramos produtos que utilizamos por pouco tempo ou que nem mesmo tiramos a etiqueta.

    Que tal dar uma olhada por aí e vender algumas coisas? Um negócio que, além de gerar dinheiro extra, acaba liberando espaço em sua casa.
    Selecionamos 5 aplicativos de vendas ótimos para você passar pra frente livros, aparelhos eletrônicos, roupas e tudo o que está “parado”. Veja:

    Para vender livros: Amazon

    Atualmente, a Amazon vende de tudo. Mas essa plataforma de comércio eletrônico escreveu as primeiras páginas da sua história vendendo livros. E essa opção continua na cabeça dos usuários.

    Sempre que você quer comprar uma obra literária, é na Amazon que você olha primeiro, certo? Mas você pode aproveitar a credibilidade desse aplicativo para o caminho contrário: vender os seus livros.

    A Amazon – que ocupa a liderança mundial entre os aplicados de vendas – oferece dois tipos de planos para comercializar livros: profissional e individual.

    Para quem quer vender até 10 livros por mês, o individual é perfeito. Você paga uma comissão de 10% + R$ 2,00 por venda.

    O plano profissional foca principalmente em empresas e é possível vender mais de 10 livros mensais. Além da comissão de 10%, é preciso arcar com uma mensalidade de R$19,00.

    Para conseguir vender pela Amazon, você precisa apenas de um CPF ou CNPJ válido, uma conta bancária, cartão de crédito e e-mail. Você faz, inclusive, transações internacionais, com algumas condições extras.

    Para vender smartphones e tablets: Troca Fone

    Entre os aplicativos de vendas, o Troca Fone é uma boa opção para quem resolveu substituir o celular, antes dele ser roubado ou danificado.

    Funciona assim: você se cadastra, combina um preço, envia seu aparelho e depois de uma avaliação, a empresa paga por ele. Ou seja, você não precisa, necessariamente, vender o seu celular ou tablet para receber o dinheiro.

    Entretanto, a proposta de preço vale por 10 dias, se a Troca Fone não receber o item no período, o valor é renegociado.

    Acaba sendo bem mais seguro e rápido do que vender em grupos de Facebook, por exemplo.

    Você pode receber um pouco menos pelo seu aparelho usado, se comparado com uma venda direta, sem intermediário. Mas, esse é o preço da segurança.

    O site foi criado com base na cultura de recommerce, que está cada vez mais em alta. As pessoas passam a comprar e vender aparelhos que ainda estão em boas condições, mas caminham para virar lixo eletrônico.

    Para vender roupas e acessórios dos seus filhos: Ficou Pequeno

    Todo mundo que tem filhos ou até sobrinhos sabe o quanto é caro comprar roupas e acessórios para essa garotada. E mesmo se os preços não são altos, as crianças crescem rápido e em pouco tempo é preciso substituir tudo de novo.

    O Ficou Pequeno é um dos aplicativos de vendas que vai lhe dar uma mãozinha para passar adiante as roupinhas e sapatos que não servem mais e, assim, recuperar parte do seu dinheiro.

    Além de produtos para crianças, também é possível vender roupas de gestantes.

    Os anúncios são gratuitos, mas existe uma comissão de 20% para cada venda realizada. O dinheiro é administrado pelo Wirecard (antigo Moip) e é lá que você resgata o valor das suas transações.

    Para vender de tudo: Skina

    Existem aplicativos para vender coisas de todos os tipos. O Skina é um deles. No entanto, apesar de estar aberto a tudo, ele é mais focado em itens que estão na sua cidade e vizinhança, reduzindo os custos com transporte.

    Os produtos podem ser enviados pelos Correios, mas também existe a opção de entrega em mãos. Você escolhe.

    A criação dos anúncios é gratuito e eles ficam prontos na hora. Basta tirar uma foto, habilitar o recebimento do dinheiro online e descrever o produto da melhor forma possível.

    O comprador do seu produto paga com cartão de crédito e o dinheiro fica disponível no app para você liberar.

    Para vender de tudo: Ebay

    Você sabia que é possível fazer negócio no Ebay, no Brasil? Esse app para vender coisas, famoso entre o público norte-americano, também oferece o serviço para os brasileiros.

    Para vender no Ebay, basta acessar o link de vendas e seguir os passos. A orientação é para criar uma conta de vendedor e classificar seu produto da forma certa. O site ainda oferece a opção de venda internacional, com algumas condições.

    Também é preciso cadastrar um cartão de crédito, débito ou conta bancária válida. Você seleciona os métodos de pagamento que vai aceitar e deixa seu perfil do Facebook público. O Ebay ainda recomenda conectar com a sua conta do PayPal.

    Para colocar seu anúncio, você paga uma tarifa de inserção, que pode ser aplicável ou não. Assim que o produto é vendido, existe ainda uma comissão, que varia de acordo com a categoria do seu produto.

    Para vender acessórios, roupas, calçados e outros objetos – Enjoei

    Uma boa opção para se livrar das coisas paradas em casa.  O aplicativo cobra uma taxa de 20% sobre cada produto vendido, mais R$ 2,15 de taxa administrativa, que também incide sobre transações concluídas. Se o produto anunciado não for vendido, você não paga taxa alguma

    No entanto, o seu anúncio é gratuito. E cabe a cada anunciante definir como será a entrega, ou seja, pessoalmente ou pelos correios. Também é responsabilidade dele decidir se haverá cobrança de frete e qual o valor.

    Uma boa dica, é claro, é ler as condições de uso com atenção, antes de  aceitá-las. Aliás, isso deve ser feito em qualquer outro site. Afinal, é nesse documento que estão as especificações sobre negociações, descontos e todas as taxas cobradas.

    Para vender de tudo, novos e usados – Mercado Livre

    Aqui também o anúncio é gratuito, no entanto, você é tarifado quando a sua venda se concretiza. Esses valores variam de acordo com o tipo de plano e o valor da mercadoria. O site disponibiliza a tabela.

    Mas atenção, no Mercado Livre, você poderá anunciar produtos de mais de R$ 6,00. Se ele for mais barato do que isso, a recomendação é vender em packs, em um mesmo anúncio.

    O anunciante pode optar por pagar uma taxa e receber o pagamento do produto à vista, mesmo que o comprador decida pelo pagamento parcelado. O site aceita, inclusive, cartão de crédito, boleto e outras formas de pagamentos.

    Você envia os seus produtos pelos Correios e o site tem um sistema que avalia os  compradores e vendedores.

    Menções honrosas para os aplicativos de vendas já bastante conhecidos do público brasileiro: OLX e Estante Virtual.

    Escolha certa

    Nos aplicativos de vendas, você oferece de tudo. E sua transação sai mais rápida e o retorno financeiro pode ser maior se você escolher um app adequado para o tipo de produto em oferta.

    E se você gosta de ler, mas está preocupado com os preços dos livros e, ainda, não tem espaço em casa para guardar uma grande biblioteca, aposte na leitura online.

    O app 12min tem uma quantidade enorme de títulos dos mais variados autores. Todo acervo é disponibilizado em forma de microbooks para você ler onde e quando quiser.

    E aí, o que achou do post de hoje? Você já teve experiência com esses aplicativos de vendas? Aproveite agora para conhecer um dos nossos microbooks:

    Vendas em Tempos de Crise