12min
logo 12min

Acelere sua evolução!

Obtenha os melhores resumos para impulsionar sua carreira e sua vida.

Acelere sua evolução!

Obtenha os melhores resumos para impulsionar
sua carreira e sua vida.

logo 12min

10 dicas para lidar com uma internet lenta sem sofrer demais

internet lenta 12 minutos

4 min de leitura ⌚ 

Entre todos os problemas modernos que nos afligem, os ligados à internet estão entre os mais irritantes. Um download que não termina, um e-mail que não sai da caixa de rascunhos, um streaming travando. Ninguém tem tempo e muito menos paciência para situações como essas. É natural que aprender a lidar com uma internet lenta, então, seja importante para não surtar nos dias de hoje.
Então se o trabalho não está rendendo, o filme não carrega na Netflix ou sequer o Gmail está funcionando direito, aprenda com a gente o que fazer com sua internet lenta.

#1 Confira seu plano de internet e a velocidade dele

Antes de mais nada, se sua internet está lenta, confira a velocidade dela. O que acontece, muitas vezes, é que você pode estar pagando por uma internet lenta sem nem saber. No Brasil, acontece bastante também de provedores entregarem velocidades inferiores às contratadas. Por isso, sabendo da velocidade que você contratou, vá até sites como Speedtest.net e faça o teste. Se a velocidade que você contratou não é a que o site identificar, siga os próximos passos.

#2 Faça testes você mesmo

Pode parecer besteira de técnico, mas vale tentar: ligue e desligue seu roteador ou modem. Confira também se em outros computadores e gadgets na sua casa o problema persiste. Roteadores podem ser difíceis de se lidar, mas nada que um tutorial ou um vídeo no Youtube não ajude. Faça todos os testes possíveis para tentar identificar de onde está vindo o problema.

#3 Avalie seu Wi-Fi e roteador

Se o problema está no seu Wi-Fi, é hora de investigar tudo sobre ele. Uma rede Wi-Fi pode sofrer problemas diversos. O roteador pode ser de má qualidade, pode estar mal posicionado ou sofrer com bloqueios de paredes e móveis, por exemplo. Mais uma vez, pesquisa em fóruns e sites especializados para tentar identificar qualquer problema possível. E acredite, o problema pode ser bem mais simples do que parece.

#4 Atenção para plugins e apps que consomem banda

Se aparentemente o problema não é no hardware, vamos aos programas. Algumas vezes, o problema é até bem óbvio. Downloads em programas como BitTorrent podem ser responsáveis claros pela lentidão no navegador, por exemplo. Outros apps, extensões e plugins como AdBlock e outros bloqueadores de conteúdo também podem ser vilões. Ao te privar de animações, popups e afins, eles também consomem parte da sua conexão. Desativar esse tipo de aplicação pode não resolver todos os seus problemas, mas pode ser um bom começo.

#5 De olho no servidor DNS

Um servidor DNS (Domain Name System) é o responsável por traduzir em um IP os endereços de sites em que navegamos. Ele também é a fonte de muitos problemas de conexão. Os servidores DNS podem ficar congestionados, com falhas de segurança e, assim, sua internet fica lenta por consequência. Descubra o melhor servidor – e o mais seguro – para sua navegação e confira se seus problemas serão resolvidos.

#6 Otimize sua navegação

Se você está na rede de internet de um café ou do aeroporto, por exemplo, não há muito o que fazer sobre a velocidade. Certo? Sim, mas ainda existem hacks que vão ajudar na sua navegação e a não te tirar do sério com a lentidão da conexão. Experimente navegar em versões mobile dos sites e desabilitar imagens e vídeos.
Um segundo navegador também pode ser a salvação para esse tipo de situação. Uma boa dica é o Opera, que tem uma velocidade excelente. A performance é bem superior em internets mais lentas com a função Opera Turbo, então não deixe de experimentar. Pode ser difícil abrir mão do Chrome às vezes, mas vale a pena.

#7 Trabalhe de forma mais inteligente

Muito trabalho a fazer em uma internet lenta? É hora de otimizar o trabalho mesmo com as limitações. Primeiro, priorize tarefas para fazer o trabalho render. Meça a importância das tarefas e trabalhe nelas por ordem de prioridade. Faça primeiro o que consumir menos internet enquanto estiver em uma conexão lenta. Tente também trabalhar sem usar o navegador enquanto puder. Escrever um texto não precisa ser totalmente online, é só utilizar um editor de textos offline enquanto precisar.

#8 Entre em contato com seu provedor

Sim, às vezes é necessário. Por mais que não gostemos, entrar em contato com o provedor de internet pode ser a única saída para corrigir uma internet lenta. Algum problema técnico, alguma interrupção de serviço ou situação parecida pode estar acontecendo. E só eles podem te informar direito sobre isso. Diretamente com o provedor você também pode reclamar seus direitos enquanto consumidor e cobrar ações corretivas deles. Se os problemas persistem, então, procure um chat online ou um atendimento pelo telefone agora mesmo.

#9 Busque uma nova empresa

Diante de alguns problemas, não há outro jeito: é hora de trocar de provedor de internet. Depois de entrar em contato com sua empresa de internet, reclamar e tentar negociar, pode ser a hora de encontrar outra no mercado. Procure soluções de planos e preços que atendam melhor às suas demandas de conexão. Fique atento às limitações de cada um, principalmente agora em que vivemos na sombra da temida limitação de banda por planos.

#10 Use seu tempo de forma mais produtiva

Essa dica é tão importante quanto as dicas técnicas. Muitas vezes, frente aos problemas de uma internet lenta, parte do problema está com a gente. Não priorizar as tarefas certas e gastar a velocidade da internet com o que não deve são problemas que estão nas suas mãos. Por isso, só cabe a você se esforçar para mudar e adquirir hábitos melhores na internet.
Agora, o que acha de conhecer um método para aumentar sua produtividade?
E se produtividade é um problema para você, já fique sabendo: nós temos os melhores livros sobre o assunto aqui no 12min. Você pode começar por este aqui:

Produtividade Para Quem Quer Tempo